Útero de Substituição (Barriga Solidária)

Útero de Substituição (Barriga Solidária)

O que é?

Útero de substituição (ou cessão temporária do útero) é o termo empregado nos casos em que uma terceira pessoa participa do tratamento de um casal e empresta temporariamente seu útero para gestar o filho deles. É um bonito ato humanitário e altruísta. Esta pessoa deverá ser parente em até quarto grau de um dos membros do casal (mãe, irmã, prima ou tia). Em situações nas quais isto não é possível, o tratamento ainda poderá ser realizado, mas a participação da terceira pessoa, sem nenhum grau de parentesco, precisará de autorização do Conselho Regional de Medicina. Popularmente, as pessoas conhecem este tipo de tratamento como “barriga solidária“, embora o termo seja inadequado, já que, no Brasil, não é permitida compensação financeira pelo empréstimo temporário do útero. Obviamente, o tratamento é realizado pela fertilização in vitro. As indicações deste tipo de tratamento são as seguintes:

  • pacientes sem útero com desejo de ter filhos: este grupo inclui mulheres submetidas a histerectomia (cirurgia de retirada do útero), mulheres que nascem sem útero (agenesia uterina) e tratamentos de casais homoafetivos masculinos
  • pacientes com malformações congênitas uterinas ou doenças uterinas que alteram muito sua anatomia e impossibilitam a gestação
  • pacientes com doenças crônicas que contraindicam a gestação, como alguns tipos de doenças cardíacas, por exemplo

Fale Conosco

Ligue ou mande um WhatsApp

(11) 4750-2231

(11) 99738-3269

Preencha o Formulário

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Envie um Email

contato@viventre.com.br

Compartilhe Nosso Conteúdo

Não fique sem entender

Dúvidas Frequentes

É permitida a barriga solidária no Brasil?

A cessão temporária de útero (que é o nome correto do procedimento no qual uma mulher empresta o útero a outra) só é permitida, no Brasil, entre parentes de até quarto grau, sendo proibida qualquer compensação financeira. Em casos de inexistência de parentes nessas condições, é necessária autorização do Conselho Regional de Medicina para que uma pessoa sem grau de parentesco possa participar do tratamento.

Os planos de saúde cobrem tratamentos de infertilidade?

A maioria das clínicas de reprodução humana não trabalha com convênios ou planos de saúde. Os tratamentos não costumam ter cobertura dos planos, mas algumas pacientes, no entanto, solicitam reembolsos de consultas e a maior parte dos exames pode ser feita na rede credenciada pelo plano.

Pacientes que moram em outros Estados ou países conseguem fazer o tratamento com vocês?

Sem dúvida. Hoje em dia, com a facilidade dos meios de comunicação, conseguimos programar tratamentos mesmo à distância, avaliando exames e muitas vezes contando com a parceria de colegas locais que possam fazer algumas avaliações, como controle de ultrassom, por exemplo. Conseguimos então programar as etapas do tratamento de forma que o casal precise permanecer o menor tempo possível em São Paulo.

Agende Uma Consulta

Entre em contato conosco através das informações abaixo ou do formulário de perguntas, e uma de nossas atendentes lhe retornará em breve.

Ligue Para Nós

(11) 4750-2231

Converse no Whatsapp

(11) 99738-3269

Envie um Email

contato@viventre.com.br

Dúvidas? Agende uma Consulta Abaixo

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.